Olá Pessoal,

Neste post vamos falar sobre o PowerShell Core, a nova versão do PowerShell lançada pela Microsoft. O PowerShell Core foi concebido para ser uma solução cross-plataform, mas o que isso que dizer? Que ela pode rodar em diferentes plataformas como Windows, macOS e Linux para configuração e automação.

O PowerShell Core começou como “fork” da versão normal do PowerShell que já vem pré-instalada no Windows. Porém com o passar o tempo o projeto veio crescendo e vem ganhando destaque, recentemente a Microsoft lançou a versão 6 do PowerShell Core.

Posso ajudar no desenvolvimento ?

Sim, você pode. Todo o código está no GitHub para você poder baixar e fazer a sua contribuição ou ate criar sua própria versão do PowerShell Core.

Quais sistemas operacionais que suportam essa versão?

  • Windows 7, 8.1 ,10
  • Windows Server 2008 R2, 2012 R2, 2016
  • Windows Server Semi-Annual Channel
  • Ubuntu 14.04 ou superior
  • Debian 8.7 ou superior
  • CentOS 7
  • Red Hat Enterprise Linux 7
  • OpenSUSE 42.2
  • Fedora 27 ou superior
  • macOS 10.12 ou superior
  • DockerMas também temos alguns sistemas operacionais que não tem suporte oficiais, porém são compatíveis:
  • Arch Linux
  • Kali Linux
  • Distribuições Linux com suporte ao snapcraft.
  • macOS 10.12 ou superior
  • Docker

Além de versões experimentais para:

  • ARM32/ARM64
  • Raspbian

Qual a diferença entre a versão Core e a versão normal?

PowerShell PowerShell Core
Versões 1.0 ate 5.1 6,6.1
Sistemas Operacionais
Somente Windows Windows, macOS, Linux
Dependências .NET Framework .NET Core

O que vai acontece com a versão normal do PowerShell?

A versão continuará sendo suportada nas versão do Windows Client e Windows Server, mas somente serão implementadas correções de falhas e atualizações de segurança. Novas funcionalidades para facilitar o dia a dia só serão implementadas no PowerShell Core.

Os scripts que tenho na versão normal do PowerShelll vão funcionar na versão Core?

Neste primeiro momento a compatibilidade é quase perfeita a partir da versão 5 do PowerShell normal, mas se você tem scripts que foram escritos em versões anteriores, você possivelmente vai precisar reescreve seu script.

Para mostrar a adoção do PowerShell Core pelo Mundo, a Microsoft criou um painel de adoção do PowerShell Core pelo mundo, conforme imagem abaixo.

Resumindo é isso pessoal, em futuros artigos iremos mostrar na prática como instalar o PowerShell Core no Windows, macOS e no Linux e também iremos criar alguns scripts básicos para verificar o comportamento em cada plataforma.

Se você gostou, compartilhe, curta, deixe seu comentário. Isso me ajuda a saber se estou no caminho certo. E se quiserem saber sobre outros assuntos é só escrever aqui embaixo ou se preferir, temos uma página de contato onde seu e-mail chega diretamente pra mim, ok?

Abraços e até a próxima!

😀

Deixe uma resposta